Conheça as 6 doenças mais comuns no inverno

O inverno chega no final deste mês, trazendo o famoso friozinho. Para muitos, isso é sinônimo de felicidade, já que é a época de vestir as roupas quentinhas e ficar em casa debaixo das cobertas vendo filmes e curtindo aquele caldinho que esquenta bastante. Por outro lado, muitos acham o inverno é a época do nariz entupido, resfriado e outros probleminhas de respiração que são as doenças mais comuns no inverno.

doenças-mais-comuns-no-inverno-confira

Um dos principais fatores que influenciam na rápida transmissão de doenças nesse período do ano é a aglomeração de pessoas em locais fechados. O tempo seco é outro inimigo da saúde, já que ele facilita a entrada de vírus e bactérias nas vias aéreas. Também não podemos esquecer da pouca ingestão de água. Como sentimos menos sede em dias frios, o risco de desidratação aumenta bastante.

 

Para comprovar que essa época pode ser perigosa ao seu sistema respiratório, listamos as 6 doenças mais comuns no inverno, e claro, como tratar cada uma delas. Mas antes, que tal algumas dicas de como preveni-las?

 

Prevenção

Claro que a prevenção não deve ser esquecida, então vamos pontuar algumas ações:

 

  • Vacina contra a gripe: começar imune já é um passo importante para evitar transtornos durante o inverno;
  • Limpeza: manter limpos os ambientes onde você passa grande parte do seu dia também é importante. Retire toda a poeira, limpe os tapetes, troque a roupa de cama uma vez por semana. Os ácaros são grandes aliados da doenças respiratórias nessa época;
  • Aglomerações: como já falamos anteriormente, locais fechados, sem ventilação e com muitas pessoas são pratos cheios para vírus, fungos e bactérias;
  • Suco de laranja: um copo por dia e a sua imunidade vai agradecer pela dose diária de vitamina C, uma ótima aliada na prevenção;
  • Umidade: fuja do tempo seco, compre um umidificador e mantenha o ar do seu ambiente sempre renovado. Quer uma opção mais barata? Um balde com água e pronto;
  • Cigarro nem pensar: o ideal é não fumar em qualquer época do ano, mas se você não consegue, evite pelo menos durante o inverno. A fumaça é prejudicial a sua imunidade.

 

Dicas anotadas? Então vamos as doenças:

 

1 - Resfriado

Trazendo aquela leve coriza, tosse seca e uma secreção clara, o resfriado é campeão no número de casos. A duração pode ir até uma semana, mas, se não tratada adequadamente, pode durar mais. Em adultos, os efeitos não são muito fortes, mas as crianças podem apresentar um quadro de febre.

doenças-mais-comuns-no-inverno-resfriado

Os cuidados não são invasivos. Alguns analgésicos para dor, descongestionantes nasais e uma boa ingestão de água podem tratar o resfriado.

 

2 - Gripe

Ela quase sempre aparece, e é um pouco mais forte que um resfriado. A gripe pode apresentar quadros de febre acima dos 38ºC, dor de cabeça e no corpo, mal-estar e perda de apetite. A gripe é causada pelo famoso vírus Influenza, que se propaga facilmente em ambientes com pouca circulação de ar. Os sintomas podem durar até 2 semanas.

 

Um pouco de repouso com boa alimentação, hidratação e uma medicação adequada é recomendada para o tratamento desta doença.

 

3 - Sinusite

É uma das doenças mais incômodas, afetando a região da maçã do rosto e deixando toda a região facial dolorida, congestionada e pressionada, além de casos de febre. A sinusite pode ser causada por vírus, bactérias ou agentes alérgenos, como ácaros e poeira. O tratamento requer inalação de vapor d'água, descongestionantes, analgésicos e antibióticos.

 

4 - Rinite alérgica

Ambientes sem limpeza ou com muita exposição poluição são pratos cheios para contrair uma rinite alérgica. Sintomas como tosse seca, espirros e lacrimejamento são comuns nesses casos. Um tratamento com antialérgicos, descongestionantes e corticoides são ideias para a cura dos sintomas.

 

5 - Pneumonia

É causada por uma infecção bacteriana aguda do parênquima pulmonar, os alvéolos. Os sintomas podem apresentar febre, calafrios, dor no tórax, falta de ar, tosse e um mal-estar generalizado. O tratamento da pneumonia requer procedimentos mais delicados, como o uso de antibióticos e, em grande parte dos casos, hospitalização.

 

6 - Asma

doenças-mais-comuns-no-inverno-asma

A asma ocorre por conta de uma obstrução no fluxo de ar gerada por uma contração dos brônquios, que é provocada pela inflamação reativa a substâncias alergênicas. É caracterizada por chiados, falta de ar, desconforto torácico e grande esforço ao respirar. O tratamento deve ser feito com broncodilatadores e corticoides.

 

 

Agora já dá para ficar por dentro dos perigos que o inverno traz, não é? Com uma prevenção correta e uma rotina saudável, você só vai se preocupar em curtir a estação mais aconchegante do ano.

 

Quer mais dicas de saúde? Assine a nossa newsletter e fique por dentro das nossa novidades!

Central de atendimento

32 3025.9100

32 9 8412.8815

Matriz

Av. Barão do Rio Branco, 3290

Alto dos Passos

Av. Barão do Rio Branco, 3408

São Mateus

Rua Dr. Dirceu de Andrade, 33 | Anexo HMTJ

Centro

Av. Barão do Rio Branco, 2281

MedMais

Av. Getúlio Vargas, 209

Ortoclin

Rua Prof Benjamin Colucci 50 - 4º andar

Conheça as 6 doenças mais comuns no inverno

O inverno chega no final deste mês, trazendo o famoso friozinho. Para muitos, isso é sinônimo de felicidade, já que é a época de vestir as roupas quentinhas e ficar em casa debaixo das cobertas vendo filmes e curtindo aquele caldinho que esquenta bastante. Por outro lado, muitos acham o inverno é a época do nariz entupido, resfriado e outros probleminhas de respiração que são as doenças mais comuns no inverno.

doenças-mais-comuns-no-inverno-confira

Um dos principais fatores que influenciam na rápida transmissão de doenças nesse período do ano é a aglomeração de pessoas em locais fechados. O tempo seco é outro inimigo da saúde, já que ele facilita a entrada de vírus e bactérias nas vias aéreas. Também não podemos esquecer da pouca ingestão de água. Como sentimos menos sede em dias frios, o risco de desidratação aumenta bastante.

 

Para comprovar que essa época pode ser perigosa ao seu sistema respiratório, listamos as 6 doenças mais comuns no inverno, e claro, como tratar cada uma delas. Mas antes, que tal algumas dicas de como preveni-las?

 

Prevenção

Claro que a prevenção não deve ser esquecida, então vamos pontuar algumas ações:

 

  • Vacina contra a gripe: começar imune já é um passo importante para evitar transtornos durante o inverno;
  • Limpeza: manter limpos os ambientes onde você passa grande parte do seu dia também é importante. Retire toda a poeira, limpe os tapetes, troque a roupa de cama uma vez por semana. Os ácaros são grandes aliados da doenças respiratórias nessa época;
  • Aglomerações: como já falamos anteriormente, locais fechados, sem ventilação e com muitas pessoas são pratos cheios para vírus, fungos e bactérias;
  • Suco de laranja: um copo por dia e a sua imunidade vai agradecer pela dose diária de vitamina C, uma ótima aliada na prevenção;
  • Umidade: fuja do tempo seco, compre um umidificador e mantenha o ar do seu ambiente sempre renovado. Quer uma opção mais barata? Um balde com água e pronto;
  • Cigarro nem pensar: o ideal é não fumar em qualquer época do ano, mas se você não consegue, evite pelo menos durante o inverno. A fumaça é prejudicial a sua imunidade.

 

Dicas anotadas? Então vamos as doenças:

 

1 - Resfriado

Trazendo aquela leve coriza, tosse seca e uma secreção clara, o resfriado é campeão no número de casos. A duração pode ir até uma semana, mas, se não tratada adequadamente, pode durar mais. Em adultos, os efeitos não são muito fortes, mas as crianças podem apresentar um quadro de febre.

doenças-mais-comuns-no-inverno-resfriado

Os cuidados não são invasivos. Alguns analgésicos para dor, descongestionantes nasais e uma boa ingestão de água podem tratar o resfriado.

 

2 - Gripe

Ela quase sempre aparece, e é um pouco mais forte que um resfriado. A gripe pode apresentar quadros de febre acima dos 38ºC, dor de cabeça e no corpo, mal-estar e perda de apetite. A gripe é causada pelo famoso vírus Influenza, que se propaga facilmente em ambientes com pouca circulação de ar. Os sintomas podem durar até 2 semanas.

 

Um pouco de repouso com boa alimentação, hidratação e uma medicação adequada é recomendada para o tratamento desta doença.

 

3 - Sinusite

É uma das doenças mais incômodas, afetando a região da maçã do rosto e deixando toda a região facial dolorida, congestionada e pressionada, além de casos de febre. A sinusite pode ser causada por vírus, bactérias ou agentes alérgenos, como ácaros e poeira. O tratamento requer inalação de vapor d'água, descongestionantes, analgésicos e antibióticos.

 

4 - Rinite alérgica

Ambientes sem limpeza ou com muita exposição poluição são pratos cheios para contrair uma rinite alérgica. Sintomas como tosse seca, espirros e lacrimejamento são comuns nesses casos. Um tratamento com antialérgicos, descongestionantes e corticoides são ideias para a cura dos sintomas.

 

5 - Pneumonia

É causada por uma infecção bacteriana aguda do parênquima pulmonar, os alvéolos. Os sintomas podem apresentar febre, calafrios, dor no tórax, falta de ar, tosse e um mal-estar generalizado. O tratamento da pneumonia requer procedimentos mais delicados, como o uso de antibióticos e, em grande parte dos casos, hospitalização.

 

6 - Asma

doenças-mais-comuns-no-inverno-asma

A asma ocorre por conta de uma obstrução no fluxo de ar gerada por uma contração dos brônquios, que é provocada pela inflamação reativa a substâncias alergênicas. É caracterizada por chiados, falta de ar, desconforto torácico e grande esforço ao respirar. O tratamento deve ser feito com broncodilatadores e corticoides.

 

 

Agora já dá para ficar por dentro dos perigos que o inverno traz, não é? Com uma prevenção correta e uma rotina saudável, você só vai se preocupar em curtir a estação mais aconchegante do ano.

 

Quer mais dicas de saúde? Assine a nossa newsletter e fique por dentro das nossa novidades!

Central de atendimento

32 3025.9100

32 9 8412.8815

 

Matriz

Av. Barão do Rio Branco, 3290

Centro

Av. Barão do Rio Branco, 2281

Alto dos Passos

Av. Barão do Rio Branco, 3408

Ortoclin

Rua Prof Benjamin Colucci 50 - 4º andar

São Mateus

Rua Dr. Dirceu de Andrade, 33 | Anexo HMTJ

MedMais

Av. Getúlio Vargas, 209

Conheça as 6 doenças mais comuns no inverno

O inverno chega no final deste mês, trazendo o famoso friozinho. Para muitos, isso é sinônimo de felicidade, já que é a época de vestir as roupas quentinhas e ficar em casa debaixo das cobertas vendo filmes e curtindo aquele caldinho que esquenta bastante. Por outro lado, muitos acham o inverno é a época do nariz entupido, resfriado e outros probleminhas de respiração que são as doenças mais comuns no inverno.

doenças-mais-comuns-no-inverno-confira

Um dos principais fatores que influenciam na rápida transmissão de doenças nesse período do ano é a aglomeração de pessoas em locais fechados. O tempo seco é outro inimigo da saúde, já que ele facilita a entrada de vírus e bactérias nas vias aéreas. Também não podemos esquecer da pouca ingestão de água. Como sentimos menos sede em dias frios, o risco de desidratação aumenta bastante.

 

Para comprovar que essa época pode ser perigosa ao seu sistema respiratório, listamos as 6 doenças mais comuns no inverno, e claro, como tratar cada uma delas. Mas antes, que tal algumas dicas de como preveni-las?

 

Prevenção

Claro que a prevenção não deve ser esquecida, então vamos pontuar algumas ações:

 

  • Vacina contra a gripe: começar imune já é um passo importante para evitar transtornos durante o inverno;
  • Limpeza: manter limpos os ambientes onde você passa grande parte do seu dia também é importante. Retire toda a poeira, limpe os tapetes, troque a roupa de cama uma vez por semana. Os ácaros são grandes aliados da doenças respiratórias nessa época;
  • Aglomerações: como já falamos anteriormente, locais fechados, sem ventilação e com muitas pessoas são pratos cheios para vírus, fungos e bactérias;
  • Suco de laranja: um copo por dia e a sua imunidade vai agradecer pela dose diária de vitamina C, uma ótima aliada na prevenção;
  • Umidade: fuja do tempo seco, compre um umidificador e mantenha o ar do seu ambiente sempre renovado. Quer uma opção mais barata? Um balde com água e pronto;
  • Cigarro nem pensar: o ideal é não fumar em qualquer época do ano, mas se você não consegue, evite pelo menos durante o inverno. A fumaça é prejudicial a sua imunidade.

 

Dicas anotadas? Então vamos as doenças:

 

1 - Resfriado

Trazendo aquela leve coriza, tosse seca e uma secreção clara, o resfriado é campeão no número de casos. A duração pode ir até uma semana, mas, se não tratada adequadamente, pode durar mais. Em adultos, os efeitos não são muito fortes, mas as crianças podem apresentar um quadro de febre.

doenças-mais-comuns-no-inverno-resfriado

Os cuidados não são invasivos. Alguns analgésicos para dor, descongestionantes nasais e uma boa ingestão de água podem tratar o resfriado.

 

2 - Gripe

Ela quase sempre aparece, e é um pouco mais forte que um resfriado. A gripe pode apresentar quadros de febre acima dos 38ºC, dor de cabeça e no corpo, mal-estar e perda de apetite. A gripe é causada pelo famoso vírus Influenza, que se propaga facilmente em ambientes com pouca circulação de ar. Os sintomas podem durar até 2 semanas.

 

Um pouco de repouso com boa alimentação, hidratação e uma medicação adequada é recomendada para o tratamento desta doença.

 

3 - Sinusite

É uma das doenças mais incômodas, afetando a região da maçã do rosto e deixando toda a região facial dolorida, congestionada e pressionada, além de casos de febre. A sinusite pode ser causada por vírus, bactérias ou agentes alérgenos, como ácaros e poeira. O tratamento requer inalação de vapor d'água, descongestionantes, analgésicos e antibióticos.

 

4 - Rinite alérgica

Ambientes sem limpeza ou com muita exposição poluição são pratos cheios para contrair uma rinite alérgica. Sintomas como tosse seca, espirros e lacrimejamento são comuns nesses casos. Um tratamento com antialérgicos, descongestionantes e corticoides são ideias para a cura dos sintomas.

 

5 - Pneumonia

É causada por uma infecção bacteriana aguda do parênquima pulmonar, os alvéolos. Os sintomas podem apresentar febre, calafrios, dor no tórax, falta de ar, tosse e um mal-estar generalizado. O tratamento da pneumonia requer procedimentos mais delicados, como o uso de antibióticos e, em grande parte dos casos, hospitalização.

 

6 - Asma

doenças-mais-comuns-no-inverno-asma

A asma ocorre por conta de uma obstrução no fluxo de ar gerada por uma contração dos brônquios, que é provocada pela inflamação reativa a substâncias alergênicas. É caracterizada por chiados, falta de ar, desconforto torácico e grande esforço ao respirar. O tratamento deve ser feito com broncodilatadores e corticoides.

 

 

Agora já dá para ficar por dentro dos perigos que o inverno traz, não é? Com uma prevenção correta e uma rotina saudável, você só vai se preocupar em curtir a estação mais aconchegante do ano.

 

Quer mais dicas de saúde? Assine a nossa newsletter e fique por dentro das nossa novidades!

Central de atendimento

32 3025.9100

32 9 8412.8815

Matriz

Av. Barão do Rio Branco, 3290

Alto dos Passos

Av. Barão do Rio Branco, 3408

São Mateus

Rua Dr. Dirceu de Andrade, 33 | Anexo HMTJ

Centro

Av. Barão do Rio Branco, 2281

Ortoclin

Rua Prof Benjamin Colucci 50 - 4º andar

MedMais

Av. Getúlio Vargas, 209

32 3025.9100

32 9 8412.8815

Conheça as 6 doenças mais comuns no inverno

Central de atendimento

Matriz

Av. Barão do Rio Branco, 3290

Alto dos Passos

Av. Barão do Rio Branco, 3408

São Mateus

Rua Dr. Dirceu de Andrade, 33 | Anexo HMTJ

Centro

Av. Barão do Rio Branco, 2281

Ortoclin

Rua Prof Benjamin Colucci 50 - 4º andar

MedMais

Av. Getúlio Vargas, 209

Conheça as 6 doenças mais comuns no inverno

Central de atendimento

32 3025.9100

32 9 8412.8815

Matriz

Av. Barão do Rio Branco,3290

Alto dos Passos

Avenida Barão do Rio Branco, 3408

São Mateus

Rua Dr. Dirceu de Andrade, 33

Centro

Av. Barão do Rio Branco, 2281

Medmais

Av. Getúlio Vargas, 209

Ortoclin

Rua Prof Benjamin Colucci 50

4º andar